Dando adeus aos papéis de faculdade

Nunca tive o costume de guardar papéis de escola/faculdade – todo final de ano ou semestre, eu juntava todas as folhas de provas, trabalhos, xerox de matérias, cadernos, etc. e jogava fora. Às vezes eu guardava uma ou outra coisa que achava que poderia precisar no próximo semestre, mas a maioria dos papéis ia para o lixo mesmo. Por causa disso eu fui reduzindo gradualmente o meu uso de papel: parei de tirar muitos xerox e imprimir matérias, tentava ler e guardar o máximo possível de textos, trabalhos e afins no computador, e comprava cadernos com menos folhas também. No primeiro período eu usei um caderno de 200 folhas. No 10º, eu tinha um mini-caderno com 96 folhas, e não usei nem a metade dele!

Eu acumulei poucos papéis nesse último semestre. Além do caderno, tinha alguns trabalhos, provas e poucos textos de matéria. Com o TCC foi diferente: além das três cópias impressas que precisei entregar na faculdade, tinha outras cópias da monografia, muitas folhas de questionários que precisei aplicar na minha pesquisa, tanto neste semestre quanto no anterior, folhas de correção, anotações do orientador… Disso tudo, eu guardei só os questionários de pesquisa, pois o meu professor deve precisar deles para fazer um artigo sobre o meu trabalho (foi o que ele disse, pelo menos). Quanto à monografia, só vou ficar com a versão corrigida em PDF.

DSC_0002

Adeus, papelada (e outras coisas)

Tirei uma foto das coisas que joguei fora. Além dos papéis, tem um estojo super velho e sem zíper onde eu guardava reservas de lápis/borrachas/etc. e uma caixinha de papelão que eu usava para levar os projetos de eletrônica para a faculdade sem correr o risco de desmontá-los no caminho.

O que ficou: certificados de cursos e outras atividades extracurriculares, papéis de orientação para a colação de grau e a entrega do diploma e, muitas, muitas folhas de caderno em branco! Fiquei com dó de jogar fora, já que elas não foram usadas, mas não tenho a menor ideia do que fazer com elas. Mais tarde eu descubro.

Anúncios

4 comentários sobre “Dando adeus aos papéis de faculdade

  1. Barbara, fiz como você, eu sempre jogo fora no final do semestre e a cada semestre vou tentando diminuir ao máximo as cópias e as folhas em branco. Eu tenho muita dó de jogar as folhas não usadas, ao ponto de acumular umas 400, e acumular não é legal e infelizmente foram para descarte, junto com algumas reciclagens, esse mundo acumulador de que vivemos nos incentiva a comprar cadernos com folhas que nem utilizaremos.

    • Também não gosto de jogar folhas novas fora, mas ou achamos um uso para elas, ou o melhor é enviar para a reciclagem… Eu acho que a tecnologia está ajudando bastante a diminuir o uso de papel (apesar de causar outros problemas de lixo, etc.), por isso tento substituir como posso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s