5 habilidades que ajudam a economizar dinheiro (e tempo)

A princípio, o título desse post seria “5 habilidades essenciais para quem mora sozinho”, mas eu percebi que tudo na lista é importante para qualquer pessoa que precise “se virar” algum dia na vida, morando sozinha ou não! Vamos a elas:

Cozinhar: essa é primordial. Não precisa ser um chef, mas é importante saber o básico: um arroz, um macarrão, uma carne… Cozinhar em casa quase sempre é mais barato que comer fora, e costuma ser mais saudável também, já que a maioria dos deliverys é de fast-food. Sem contar que, ao saber cozinhar, você fica menos dependente de outras pessoas – não foram poucos os casos que ouvi de homens que ficam com fome em casa esperando a esposa chegar pra fazer a comida! Por favor, né?  😀

Fazer serviços domésticos básicos: varrer e passar pano no chão, lavar a louça, lavar roupa e etc até hoje são serviços bem simples que mantém uma casa limpa. Infelizmente, assim como cozinhar, esse trabalho é visto como obrigação feminina, mas como já disse nesse post, todos que compartilham uma casa devem se responsabilizar igualmente pelas tarefas. E quando a pessoa mora sozinha, é bom que ela saiba fazer o básico, assim não precisa gastar com faxineira. E mesmo que você contrate uma diarista de vez em quando, que coisa feia deixar a casa imunda só porque alguém vai limpar depois, não?

Fazer pequenos reparos em casa: trocar lâmpada e resistência de chuveiro, consertar torneira pingando, furar parede… Esses serviços são considerados masculinos, mas podem (e devem) ser feitos por qualquer pessoa. Desde cedo, na minha casa não tinha nenhum homem para fazer essas tarefas (meu pai morreu quando eu era bem nova), minha mãe fazia quase tudo e eu aprendi com ela. Morando sozinha, vi que chamar um profissional para fazer reparos sai caro, então eu faço tudo o que consigo. Tem muitos tutoriais na internet, a maioria das coisas não é tão difícil quanto parece.

Costurar: remendar buracos e pregar botões são o básico do básico (e são tudo o que eu sei!). Outra atividade considerada feminina, mas que deveria ser ensinada a todos. Afinal, se um botão cai da sua camisa, o que você, homem que mora sozinho, vai fazer? Levar na costureira? Pedir para a sua mãe colocar de volta? Jogar a camisa fora? Economize tempo e dinheiro (e a paciência da sua mãe) e pregue seus próprios botões!  😀

Fazer orçamento: o primeiro passo para controlar as finanças é fazer um orçamento. Para quem mora sozinho ou quer morar em breve, ter uma noção dos gastos é muito importante, pois manter uma casa é um gasto e tanto. Quem não tem experiência pode começar apenas anotando os gastos diários em um caderno, só para ter uma ideia de onde seu dinheiro está indo. Depois, pode passar tudo para uma planilha do Excel ou usar um desses inúmeros aplicativos de controle de finanças.

Vocês leitores acrescentariam alguma coisa à lista? Me contem nos comentários.

Anúncios

5 comentários sobre “5 habilidades que ajudam a economizar dinheiro (e tempo)

  1. Ufa! Sei fazer todas essas coisas e concordo plenamente com vc. Questão de economia de grana, tempo e independência. Depender dos outros pra essas pequenas coisas do dia a dia seria o fim pra mim.

  2. Oi Barbara. Otimo post. Eu mesma cresci sem saber fazer nada disso, pois sempre morei na casa dos meus pais, o que não é uma desculpa, e a minha unica obrigação era estudar. So aprendi a fazer tudo por necessidade mesmo quando fui morar sozinha e concordo plenamente com você. O ideal teria sido eu me interessar por isso ainda enquanto morava com meus pais, mas é vivendo que a gente aprende né? So a parte de cozinhar que eu ainda acho mega chata e acabo comendo muito fora ou me alimentando com besteiras hehe mas estou tentando me organizar melhor para tentar transforma-la numa atividade prazeirosa. O seu blog é uma otima inspiração para a organização. 🙂

    • Oi Natália, eu também fui aprender a maioria dessas coisas quando fui morar sozinha. Cozinhar, por exemplo: minha mãe me ensinou o básico quando era adolescente, mas nunca tive interesse em aprender mais até sair de casa. Aí comecei a querer fazer coisas diferentes e a gostar! Nem sempre os pais cobram essas coisas quando moramos com eles, mas acho que a partir do momento em que a pessoa sai de casa, ela precisa saber se virar minimamente.

      Espero que você consiga organizar sua rotina para cozinhar! Uma coisa que me ajuda bastante é fazer porções maiores e congelar para o mês ou esquentar durante a semana. Você também pode procurar receitas fáceis na internet, refeições de “uma panela só”… Tudo isso ajuda. Abraços!

  3. Pingback: Links interessantes da semana #19

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s