Organizar a vida em 7 dias – Dia 7

Inspirado nesse post.

Criando um orçamento mensal

Tenho o hábito de registrar todos os meus ganhos e gastos há bastante tempo, como já foi dito aqui. Utilizo o gerenciador financeiro Minhas Economias e registro TODOS os meus gastos, desde a fatura do cartão de crédito a uma bala que eu compro na rua. Não posso dizer que a minha organização é exemplar, mas venho melhorando ao longo dos anos, e o mais importante: consigo gastar menos do que eu ganho a maior parte do tempo.

No início do ano, eu tinha feito um orçamento, definindo valores máximos que eu poderia gastar em diferentes “áreas” (alimentação, transporte, cartão de crédito, etc.), mas não deu muito certo – eu estava ganhando pouco demais para me manter, precisava da ajuda da minha mãe  e sempre ultrapassava o orçamento, mesmo sem comprar supérfluos! Decidi então só economizar o máximo possível, sem definir valores exatos para os meus gastos.

Agora que eu mudei de estágio, e recebo vale-refeição e vale-transporte, a coisa muda um pouco de figura. Pretendo gastar com o transporte apenas o valor que recebo mensalmente do VT, e a mesma decisão vale para o VR. Farei o cálculo desses valores todo mês (já que dependem dos dias trabalhados).

Com o salário, pagarei o cartão de crédito – ainda faltam 5 das 6 parcelas do Kindle, e posso fazer outros gastos, desde que com moderação – e a conta da internet 3G. Não tenho nenhum gasto fixo além desses dois, portanto, do dinheiro que sobrar, 20% serão depositados na poupança (no mínimo), e o resto eu uso como precisar. Se sobrar no fim do mês, ponho mais na poupança!

Acredito que se eu me organizar bem, vou conseguir poupar bastante.

Anúncios

Organizar a vida em 7 dias – Dia 6

Inspirado nesse post.

Estabelecendo uma rotina de limpeza.

Moro em uma república, então não preciso limpar a casa toda semana. Fazemos uma escala de limpeza e, coincidentemente, esta semana foi a minha.  As tarefas básicas para a limpeza da casa são as seguintes:

  • Varrer e passar pano (ou lavar, quando necessário) o chão da cozinha e da área de serviço;
  • Limpar o fogão, a pia e os armários da cozinha;
  • Varrer e passar pano no chão da sala/copa e do corredor;
  • Tirar poeira dos móveis;
  • Lavar o banheiro;
  • Tirar o lixo;

Fora da esfera de limpeza “coletiva”, a minha rotina é: limpar o meu quarto semanalmente, lavar e guardar as roupas. Só passo roupa ocasionalmente, quando preciso usar alguma coisa especial que não pode estar amarrotada. Fora isso, não me dou esse trabalho!

Problemas: por causa do movimento intenso nas ruas, a casa acumula muita poeira, então a limpeza não dura tanto. E como em toda república, sempre tem uma ~espertinha~ que não faz o serviço e deixa para as outras. A única coisa que posso fazer é tentar não me estressar com isso.

 

Organizar a vida em 7 dias – Dia 5

Inspirado nesse post.

Organizando a compra de comida e o preparo semanal das refeições

Como não tenho tempo de cozinhar durante a semana, costumo fazer comida suficiente para 5/6 dias no sábado ou domingo, que vou esquentando e comendo nos outros dias. Sei que não é o ideal (do ponto de vista da saúde), e às vezes é cansativo comer a mesma comida por dias, mas é o que posso fazer por enquanto.

Todo sábado vou ao supermercado e compro comida suficiente para a semana (frutas, verduras, pão, alimentos que acabam rápido). Os alimentos que duram mais, como arroz, feijão,  açúcar, etc, eu compro a cada dois meses ou mais.  Eu gosto de cozinhar, então escolho uma “receita especial” para a semana, geralmente uma sobremesa (adoro fazer bolos e tortas) e compro os ingredientes que preciso para fazê-la.

Um problema que sempre tenho é que não lembro de variar. Chego no supermercado, compro praticamente as mesmas coisas e, quando chego em casa, fico pensando que poderia ter comprado isso ou aquilo. Então, seguindo as dicas da autora do post que linkei acima, decidi fazer uma lista de compras mestra, com todos os alimentos que gosto/costumo comprar. Só não pretendo comprar todos eles semanalmente, é claro! Vou colar a lista na porta da “minha parte” do armário e, quando estiver fazendo a minha lista semanal, além de conferir o que acabou e preciso repor, vou checar a lista mestra e ver se tem algo diferente que gostaria de  comprar também.

Abaixo, o esboço da minha lista:

Lista de compras Mestra

Organizar a vida em 7 dias – Dia 4

Inspirado nesse post.

Criando listas de tarefas

Sempre fui adepta das listas, e consigo trabalhar muito bem com elas. Costumo colar post-its  na parede, bem acima da mesa onde fica o meu notebook, com tudo o que tenho que fazer, assim fica fácil ver e lembrar. O problema é que isso só funciona quando estou em casa.

Então, ontem, tive uma ideia que já pus em prática e está sendo ótima: fiz uma lista de tarefas no Evernote, que posso acessar facilmente com o aplicativo no meu celular. A lista está dividida, por enquanto, em apenas três categorias:

  1. Faculdade: trabalhos, exercícios e qualquer outra coisa relacionada aos estudos
  2. Finanças: contas para pagar, depósitos para fazer, etc.
  3. Problemas para resolver: tarefas gerais (problemáticas ou não), desde marcar uma consulta a fazer a lista de limpeza da república.

Quando completo uma tarefa, marco na check box e pronto! Já resolvi vários problemas ontem e hoje, dá até um ânimo saber que não estou esquecendo das coisas que preciso fazer. Pretendo atualizar a lista todo domingo, mas vou adicionar tarefas à medida em que for necessário.

Organizar a vida em 7 dias – Dia 3

Inspirado nesse post.

Estabelecendo rotinas diárias

As rotinas que eu sigo são, basicamente, as seguintes:

  • Rotina da manhã: acordo, tomo o café, faço a higiene matinal e vou para a aula. Geralmente eu deixo para lavar a louça que usei na hora do almoço. Quando volto da aula, almoço rápido, lavo todas as vasilhas e vou para o estágio.
  • Rotina da noite: chego do trabalho, esquento o jantar, tomo banho e fico lendo/vendo TV/assistindo séries até a hora de dormir.
  • Rotina do fim-de-semana:  faço os trabalhos domésticos, vou ao supermercado e ao sacolão e compro o que vou precisar para a semana, lavo roupa. E, a partir desse sábado, irei para a academia na parte da manhã.
  • Rotina de limpeza: já que moro em república, não preciso limpar a casa toda semana. Quando é a minha vez, eu lavo o banheiro, varro e passo pano no chão da casa, tiro a poeira dos móveis e limpo a cozinha e a área de serviço (para essas últimas, costumo lavar o chão também). O meu quarto eu limpo toda semana.

As mudanças que farei nas minhas rotinas são poucas, como citei no post anterior: acordar mais cedo, não deixar a louça acumular, fazer pelo menos uma hora de estudo à noite, adaptar os horários das minhas tarefas de sábado.

Organizar a vida em 7 dias – Dia 2

Inspirado nesse post.

Estabelecendo um horário semanal

Antes de escrever esse post, eu já sabia que meu tempo era mal-aproveitado, mas só quando fiz meu horário semanal eu tive noção do quanto.  Durmo muito tarde, acordo no limite para ir às aulas, uso muito mal meu tempo livre à noite…

Horário semanal – Segunda a Sexta

06:40 – 07:05 = rotina matinal (acordo, tomo o café-da-manhã, troco de roupa, escovo os dentes, penteio o cabelo…)
07:05 – 07:10 = deslocamento até a faculdade (sim, as aulas começam às 7h, mas eu chego atrasada praticamente todos os dias)
07:10 – 12:00 = aulas (o término oficial do horário de aula é às 12:20, mas os professores costumam nos liberar mais cedo)
12:00 – 12:10 = volto para casa (vou de ônibus do meu bairro até o Centro, e costumo pegar outro ônibus para chegar mais rápido ao estágio)
12:10 – 12:40 = almoço (geralmente faço comida o suficiente para uma semana, e esquento todos os dias para o almoço/jantar)
12:40 – 13:30 = deslocamento até o estágio 
13:30 – 19:30 = trabalho (não trabalho direto, a política do estágio é fazer um intervalo de 10 a 15 minutos a cada duas horas. Às vezes saio para lanchar também).
19:30 – 20:30 = volto para casa (volto de ônibus, mas pego só um na volta para casa)
20:30 – 23:30 = rotina da noite (tomo banho, esquento o jantar, assisto TV ou alguma série no computador ou leio alguma coisa)

No fim de semana, não tenho um horário específico. Geralmente, faço os serviços domésticos, vou ao supermercado, faço a comida da semana e passo o resto do tempo à toa. 😛

As mudanças que pretendo fazer, são:

  • Dormir mais cedo, para acordar em um horário razoável e ter tempo de arrumar a cama, lavar a louça do café e chegar na aula no horário;
  • Não perder tempo à noite assistindo TV;
  • Estabelecer um horário de estudo (pelo menos uma hora) à noite;
  • Reorganizar minha rotina dos sábados, já que vou passar as minhas aulas de krav-magá para esse dia da semana.

Organizar a vida em 7 dias – Dia 1

Inspirado nesse post.

Criando um calendário

Mais ou menos um ano atrás, parei de usar agendas de papel para anotar meus compromissos, e passei a anotar tudo no calendário do celular. É bom porque posso adicionar lembretes, tenho acesso rápido e fácil às tarefas do dia/da semana/do mês e não carrego mais peso na mochila.

O que fiz recentemente foi criar uma agenda do Google, que também sincronizo com o calendário do celular. É mais fácil gerenciar os compromissos pelo computador, posso escrever com mais detalhes e dar cores diferentes a tarefas de áreas diferentes, por exemplo: tarefas do meu estágio estão em azul, as da faculdade estão em rosa, eventos estão em verde. Tudo muito prático.

 

Minha agenda do Google

Minha agenda do Google

Organizando a minha vida em 7 dias

Enquanto olhava as novidades nos blogs sobre minimalismo que costumo ler, achei esse post no The Busy Woman and the Stripy Cat e resolvi usar as dicas para tentar organizar um pouco a minha vida.

Desde o início do semestre, com o novo estágio e as novas obrigações, comecei a enrolar demais e não estou dando conta de nem metade as minhas tarefas! Preciso me organizar urgentemente, começando hoje, sem falta.